Concepção, Gestação, Bebê e Infância
Casal e Família
Relações de Gênero
Sexualidade Humana
DST's & AIDS
Métodos Contraceptivos
Estresse & Ansiedade
Medos & Fobias
Saúde & Prevenção
Hábitos e Disfunções Alimentares
Qualidade de Vida
Neurociências
Dependência química
Farmacologia
Psicologia Organizacional
Psicologia Acadêmica
Psicologia do Trânsito
Ética & Legislação
Direitos e Declarações Universais
Instituições
Notícias
Indicações Bibliograficas
Utilidade pública
Normas e Responsabilidades
Sobre o Site



Marcos A. L. Renna - Contato: 2965-4042 / 98458-4892
Dicionário
Home » Dicionário » Alucinação

Alucinação

Uma percepção sensorial que apresenta a sensação de realidade de uma verdadeira percepção, mas que ocorre sem estimulação externa do órgão sensorial relevante. As alucinações devem ser diferenciadas das ilusões, nas quais um estímulo externo real é percebido erroneamente ou mal interpretado. A pessoa pode ter ou não insight para o fato de estar tendo uma alucinação. Um indivíduo com alucinações auditivas pode reconhecer que está tendo uma falsa experiência sensorial, enquanto outro pode estar convicto de que a fonte da experiência sensorial tem uma realidade física independente. O termo alucinação não se aplica, costumeiramente, às falsas percepções que ocorrem durante os sonhos, enquanto o indivíduo adormece (hipnagógicas) ou quando desperta (hipnopômpicas). Experiências alucinatórias transitórias podem ocorrer em pessoas sem um transtorno mental.

Os tipos de alucinações incluem:

auditiva. Uma alucinação envolvendo a percepção de sons, mais habitualmente vozes. Alguns clínicos e investigadores preferem não incluir aquelas experiências percebidas como originadas de dentro da cabeça, limitando o conceito de verdadeiras alucinações auditivas àqueles sons cuja fonte é percebida como externa. Entretanto, como usado no DSM-IV, o termo não faz qualquer distinção quanto a se as vozes percebidas são externas ou internas ao indivíduo.

congruente com o humor. Ver aspectos psicóticos congruentes com o humor.

gustativa. Uma alucinação envolvendo a percepção do paladar (geralmente desagradável).

incongruente com o humor. Ver aspectos psicóticos incongruentes com o humor.

olfativa. Uma alucinação envolvendo a percepção de odores, tal como de borracha queimada ou de peixe em decomposição.

somática. Uma alucinação envolvendo a percepção de uma experiência física localizada dentro do corpo (tal como uma sensação de eletricidade). Uma alucinação somática deve ser distinguida de sensações físicas que surgem de uma condição médica geral ainda não diagnosticada, da preocupação hipocondríaca com sensações físicas normais, e de uma alucinação tátil.

tátil. Uma alucinação envolvendo a percepção de toque ou da presença de algo sob a pele. As alucinações táteis mais comuns envolvem a sensação de choques elétricos e formigamento (a sensação de algo rastejando sobre ou sob a pele).

visual. Uma alucinação envolvendo a visão, que pode consistir de imagens com forma, como de pessoas, ou de imagens sem forma, tais como lampejos de luz. As alucinações visuais devem ser diferenciadas das ilusões, que são percepções errôneas de estímulos externos reais.


Seu Nome:

Seu E-mail:

Nome do amigo:

E-mail do amigo:

Mensagem:

Código de segurança (Repita o código):
 


Home :: Eventos :: Dicionário :: DSM-IV :: CID-10 :: Contato               PsicNet - Todos os direitos reservados